terça-feira, 1 de fevereiro de 2005

Tsunami em João Pessoa


O nome dela é Gislene, operadora de telemarketing da C&A. Ela se apresentou e disse que queria me presentear com um ibiCard C&A.

- Qual a sua data de nascimento?
- Eu não tenho interesse em cartão de crédito.
- Você não tem interesse porque ainda não conhece. Quando o seu ibiCard for desbloqueado, você vai poder usá-lo e conhecer todas as suas facilidades e aí terá interesse nele. A data de nascimento, por favor.
- Eu não pretendo usar esse cartão. Pago tudo à vista e em dinheiro. Nem de cheque eu gosto.
- Mas você não sabe o que pode acontecer amanhã. Você viu aquelas pessoas na Ásia: veio um tsunami e devastou tudo! Se eles tivessem alguém com quem pudesse contar seria bem melhor para eles.
(Breno pensando e com vontade de rir: Se eles tivessem com um ibiCard na mão teriam sido levados com cartão e tudo!)
- Esse cartão tem anuidade, né?
- São três parcelas de R$ 11. A mais baixa do mercado.
- Então! Eu não quero pagar por algo do tipo.
- Mas você pode precisar de dinheiro e daí vai ter que recorrer a uma financiadora ou a familiares que vão ficar falando para o resto da vida.
- Eu não tenho esse tipo de familiares!
- Qual a sua profissào?
- Jornalista.
- Você como jornalista às vezes sai por aí, sem eira, nem beira e pode precisar de comer. Você vai passar fome?
(Breno com muita vontade de rir)
- Eu já tenho um cartão que foi presente da minha mãe, e que inclusive é debitado na conta dela. Mas parei de usá-lo desde que comecei a trabalhar.
- Então está na hora de você dar um presente à sua mãe que te carregou nove meses na barriga. Dê um ibiCard pra ela!
- Eu estou apenas começando minha carreira profissional e não tenho a menor condição de dar um cartão de crédito para minha mãe gastar o quanto quiser.
- Seria um grande passo na sua carreira!
- Um passo pra trás! Você não acha que eu seria idiota se aceitasse pagar por algo que já tenho e que não pretendo usar?
- Não.
- Você sabe que como jornalista eu escrevo diversos tipos de matéria, inclusive sobre economia e direitos do consumidor. E que durante as entrevistas, nós já recebemos diversas queixas de consumidores que reclamam que os operadores de telemarketing não sabem conviver com um "não".
- E quem é que gosta de receber um "não"? Você gosta?
- Eu posso não gostar, mas tenho que conviver com eles. Muitas vezes quando a gente tenta ouvir os dois lados da notícia, um deles não quer dar declarações e eu sou obrigado a dizer que "a reportagem tentou entrar em contato com fulano de tal, mas até o fechamento da edição não foi possível localizá-lo". Eu já disse que não quero o cartão e nada do que você me disser vai me fazer lhe dar a minha data de nascimento. O que você acha que eu devo fazer: escrever outra matéria sobre isso ou ter que ir atrás de um SAC ou Procon da vida?
- Senhor Breno, o Código de Defesa do Consumidor não proíbe esse tipo de prática, mas como o senhor não está interessado, obrigado e tenha um bom dia.
- Um bom dia para você também.
(Gislene pensando: Ah bicho pão-duro miserável dos infernos!)

19 comentários:

Breno Barros disse...

Ah bicho pão-duro miserável dos infernos!

Mythus | Homepage

Breno Barros disse...

Acredito que esse deve ter sido o maior post da vida de Breno! Acho que devemos fazer algum curso de "como atender uma atendente de telemarketing", iria dar um bom dinheiro.

Mythus | Homepage

Breno Barros disse...

meu amigo, em pelo menos duas passagens do post eu tive q segurar umas gotinhas de xixi q quase saiam de tanto q eu ri. Foram em "Se eles tivessem com um ibiCard na mão teriam sido levados com cartão e tudo!" e em "Um passo pra trás!". Muito bom, Breno, muito bom. Essas coisas que acontecem com a gente no cotidiano, se contadas da maneira certa, dão ótimos posts.

ailton

Breno Barros disse...

realmente brenno vc tem talento para contar coisas engraçadas!!!!!!!! E acho que eu para vivê-las.....risos.....

giselle

Breno Barros disse...

E eu preciso parar de usar esse negócio também! =oP

PauLa

Breno Barros disse...

ailton disse tudo..

Laranja

Breno Barros disse...

Certa vez uma atendente de telemarketing perguntou se eu teria alguns amigos para indicar. Disse que não gosto de foder tão por baixo assim o punhado de amigos que ainda tenho!

PS: Estou esposado com uma PC nova, por isso, pra quem não tem interesse, o meu blog volta a ativa!

J. Audaci Junior | Homepage

Breno Barros disse...

Muito bom mesmo. Comédia sobre o nada, estilo Seinfeld.

Dina

Breno Barros disse...

a faixa azul-claro em que ficam os posts eh muito estreita! pede pro teu irmao ajeitar isso..

Laranja

Breno Barros disse...

Como atender um atendente de telemarketing é uma ótima idéia. Se eu fosse você [e se tivesse talento pra descrever isso] eu ganharia uma grana com isso.

eric | Homepage

Breno Barros disse...

Muito bom, Breno. Não sei por quê me lembrou algo do Mario Prata..

Luís

Breno Barros disse...

Breno, parabéns! Você manteve o nível da conversa, mas tenho certeza que teve vontade de madar essa mulher pra p*#@ $$## $%¨¨¨, não foi? :)

Zabella

Breno Barros disse...

eh, minhas conversas com telemarketeiros nao sao interessantes assim nao.. :/

Laranja

Breno Barros disse...

Deu vontade de rir mesmo, principalmente quando ela perguntou se eu iria passar fome por ser jornalista! Até que deu pra aturar sem mandá-la para o endereço que você disse, Zabella, porque eu não tava atrasado. Essa criatura tinha me ligado na sexta quando eu tava na última hora pra entregar um texto, daí me limitei a dizer que não poderia escutá-la e que ela retornasse na segunda. Deu no que deu.

Breno

Breno Barros disse...

Para todos!!
Estou fora de João Pessoa há cinco anos, moro em São Paulo e trabalho com informática, apesar de ter feito jornalismo na UFPB e ter trabalhado na Agência Ensaio dos Fotógrafos Ricardo Peixoto e Mano de Carvalho.
Estava procurando na net um saral aqui em São Paulo para ir, quando acabei encontrando algumas perolas escritas por vocês, adorei. Quem sabe poderemos trocar algumas historias. Mandem-me os o e-mail´s ou link do blog para que fique mais fácil.

Júlio

Breno Barros disse...

sinceramente, não seio que acontece com esse blog. Deve ser uma crise (e grande) existencial. Já repararam que o nome do blog que o box de comentários mostra nunca é o de "meio do nada"? Antes era o nome do blog de bruno, agora é o bojo! Sei não...

ailton

Breno Barros disse...

Tonton, o meio do nada não têm cadastro no "blogger comentários", daí a princípio eu usei o código de Bruno. Inexplicavelmente deu pau no código dele e nós perdemos todos os comentários. Disse Bruno que iria dar um jeito de resgatá-los. Eu aproveitei um dos meus blogs "falidos, mas não deletados" para pegar o código e inserir aqui. Modéstia a parte ficou meigo. :D

Breno

Breno Barros disse...

Muitoooooooooooooooooooooo bom o texto hehehhe
Odeio a C&A !!!!!!!!

Pritt

Breno Barros disse...

Conta o jornalista Breno Barros em seu blog http://www.meiodonada.blogger.com.br um episódio com uma operadora de telemarketing da C&A (a mesma do cartão de crédito ibiCard). Ele foi abordado por telefone, numa dessas ligações que fazem pra sua casa bem no momento em que você está assistindo a um bom programa de tv, e ofereceram o cartão de credito. Mesmo diante das explicações do jornalista de que não desejava o cartão, a "mocinha" insistia em convencê-lo saindo com os argumentos mais engraçados que eu já ouvi.

É bem verdade que o Breno é jornalista e blogueiro. Então como diz o ditado: "Não inventa, mas aumenta".

Opiniao Geral | Homepage